Agropecuária e as exportações brasileiras

O setor agropecuário é um dos principais pilares da economia nacional, para se ter uma ideia da grandeza do setor e da sua importância no cenário das exportações brasileiras, no ano passado, os produtos dessa categoria foram responsáveis por 48% de tudo que foi embarcado, fazendo com que o Brasil ficasse na segunda colocação do ranking dos principais exportadores agrícolas do mundo, perdendo apenas para a China.

Como podemos ver no gráfico abaixo, a participação da agropecuária no Produto Interno Bruto (PIB) vem aumentando ano a ano e no último ano alcançou 26,6% de participação, quando nos anos 1970, a participação era inferior a 10%.A maior participação no “PIB agro” fica por conta dos produtos agrícolas, com 68% de participação, e os 32% são da pecuária.

No último mês, as exportações do agronegócio brasileiro atingiram US$8,84 bilhões, valor recorde para os meses de outubro que decorreu da alta internacional dos preços. Se compararmos o último mês com outubro de 2020, o volume exportado pelo país caiu 10%, mas a receita obtida com esses embarques registrou alta de 16,8%.

Quais produtos mais se destacaram nas exportações da agropecuária brasileira de 2021?

Liderando as exportações do setor agropecuário, a soja já atingiu mais de 80 milhões de toneladas embarcadas nos dez primeiros meses deste ano, gerando uma receita de US$35 bilhões, a variação de 33,% no preço da soja influenciou positivamente o resultado e os ganhos do Brasil.

Outro produto que registrou alta no último mês foi a carne suína, cujo volume embarcado gerou uma receita de US$215,98 milhões para o Brasil. Assim como acontece com a soja, a maior parte das exportações da carne suína tem a China como principal destino, que já compraram mais de US$1 bilhão esse ano, representando 55% de tudo que exportamos.

A carne de frango também tem obtido uma alta participação nos embarques brasileiros e já ocupa a 8ª colocação do ranking de tudo que o Brasil exportou neste ano, gerando uma receita que já ultrapassou US$5,7 bilhões. A China também é o principal destino das nossas carnes de frango, no entanto, sua participação não é tão disparada em relação aos demais países como Japão, Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos.

Para finalizar, temos o café, produto clássico da economia brasileira e que tem tido cada vez mais aceitação no exterior. O café não torrado ocupa a 2ª colocação no ranking das exportações agropecuárias brasileiras e apenas nos dez primeiros meses atingiu uma receita de US$5,5 bilhões e um volume de 1,9 milhão de toneladas. Os principais destinos do nosso café são os Estados Unidos, Alemanha, Itália, Bélgica e Japão.

Iara é graduada em Relações Internacionais e Comércio Exterior. Produtora de conteúdo na página ComexLand com experiência de mercado na área comercial, de logística e importação.

Iara Neme

Graduada em Relações Internacionais e Comércio Exterior. Produtora de conteúdo na página ComexLand com experiência de mercado na área comercial, de logística e importação.

adana eskort - eskort adana - mersin eskort - eskort mersin - adana eskort bayanadana eskort - eskort adana - mersin eskort - eskort mersin - adana eskort bayan