Ano Novo Chinês e o Comércio Exterior

Faltam menos de 60 dias para o início das comemorações do Ano Novo Chinês, um dos feriados mais importantes para o país, que diferente do nosso calendário, varia ano a ano de acordo com as fases da lua e a posição do sol. Em 2020, por exemplo, o primeiro dia se deu em 25 de janeiro, neste ano, o ano novo teve início em 12 de fevereiro, e em 2022, será entre os dias 31 de janeiro e 6 de fevereiro.

Outra peculiaridade desta data é em relação aos animais celebrados a cada ano, os doze animais do horóscopo chinês. Em 2021, a China celebrou o “Ano do Boi”, e em 2022, será o “Ano do Tigre”.

Quanto às tradições, há alguns costumes típicos da época, como:

  • Envelopes vermelhos: casais ou pessoas mais velhas entregam envelopes vermelhos com alguma quantia em dinheiro para os mais jovens, inclusive para crianças. Essa prática, assim como outras do Ano Novo Chinês tem como objetivo atrair sorte e prosperidade financeira.
  • Troca de presentes: assim como na cultura ocidental temos as trocas de presentes durante a época do natal, no Ano Novo Chinês é comum amigos e familiares trocarem os mais diversos tipos de presentes, até mesmo comidas.
  • Mercados: grandes mercados e feiras são montados ao ar livre para a comercialização dos mais diversos itens. A ameixeira é um dos itens típicos em algumas regiões e são bastante procuradas neste período, como se fosse a nossa tradição de comprar árvores de natal.
  • Fogos de artifício: assim como na nossa virada de ano, a China também festeja com fogos de artifício, muito utilizados com o objetivo de afastar espíritos malignos.
  • Decoração: as flores são muito utilizadas como decoração das casas e das cidades e cada uma possui um significado diferente, como sorte, fortuna, prosperidade, tranquilidade e cura de doenças. Há também o “Nianhua”, que consiste em um bloco de madeira colorido para as decorações de ano novo, presente na maioria das residências.

E o Comércio Exterior?

Essa semana de festas impacta diretamente em toda a logística global, visto que a China é um dos principais pólos de importações e exportações do mundo. Durante este período, no entanto, as atividades portuárias são drasticamente reduzidas, fazendo com que haja atrasos nas entregas com cargas aguardando liberação nos portos e aeroportos. Além disso, a jornada de trabalho também é consideravelmente reduzida, diminuindo os níveis de estoque de diversos produtos no país.

É comum que ocorram os “blank sailings” nessa época, quando os armadores cancelam as viagens do navio e as cargas vão se acumulando até o final do feriado, o que faz com que o valor do frete seja elevado.

Importadores e exportadores mais experientes de todo o mundo já se programam antecipadamente para esse período, e para outras festividades chinesas, evitando que suas cargas atrasem e que os fornecedores não entreguem seus produtos no prazo devido a paralisação das atividades. Então, fique sempre de olho nos feriados internacionais e evite problemas com as suas importações!

Iara é graduada em Relações Internacionais e Comércio Exterior. Produtora de conteúdo na página ComexLand com experiência de mercado na área comercial, de logística e importação.

Iara Neme

Graduada em Relações Internacionais e Comércio Exterior. Produtora de conteúdo na página ComexLand com experiência de mercado na área comercial, de logística e importação.

adana eskort - eskort adana - mersin eskort - eskort mersin - adana eskort bayanadana eskort - eskort adana - mersin eskort - eskort mersin - adana eskort bayan