Uma breve análise do dólar e sua influência nas importações – Análise primeiro semestre 2020

Em 2020 o Comércio Internacional foi desafiado pela pandemia que estamos enfrentando. A medida que o vírus se espalhava pelos continentes, as bolsas despencavam e as moedas desvalorizavam.

Países como Estados Unidos mantiveram sua moeda forte, pois possuem um bom histórico em superar crises, porém nações emergentes registraram uma grande desvalorização. No Brasil, mesmo o Banco Central realizando ações para controlar o câmbio, o Real foi a segunda moeda mais desvalorizada do mundo.

Isso inviabilizou a importação para muitas empresas, registrando a queda de 5,2% nas importações no primeiro semestre do ano, comparado ao mesmo período de 2019. O setor que mais sofreu queda foi da Indústria da Transformação ( US$ – 2,5 bilhões ).

Essa análise foi realizada por Kauana Pacheco para as redes sociais da empresa Benefx. A Benefx traz soluções de redução de custos para importadores. Conheça mais em: contato@benefx.com.br

Kauana Pacheco

Kauana é formada em Negócios Internacionais e é pós-graduada em Big Data & Market Intelligence. Kauana é a fundadora da ComexLand, onde atua como especialista em marketing focado para empresas do Comércio Exterior e Logística Internacional.